SELECCIONE O SEU IDIOMA: pt pt en

Potenciar a estratégia empresarial de um líder no setor petrolífero

Uma companhia líder em fontes de energia no mercado cabo-verdiano, a Enacol - Empresa Nacional de Combustíveis, tinha como objetivo fortalecer a sua estratégia empresarial. Para tal recorreu à Leadership Business Consulting (LBC), que concebeu um programa de formação em estratégia, planeamento e monitorização.

Dotar com competências

A ação desenvolvida teve como objetivo dotar os participantes de competências essenciais para clarificar os aspetos-chave associados à estratégia empresarial; reduzir o risco de definição de indicadores desadequados e metas inalcançáveis; estruturar um sistema de monitorização com regras, responsabilidades e periodicidades definidas; melhorar o feedback e a qualidade das decisões tomadas.

Ideias aplicáveis

A formação teve a duração de três dias, num total de 21 horas, e contou com a participação de 17 colaboradores. No final, 82% dos participantes afirmaram que a formação satisfez as suas expectativas. Os executivos destacaram a “capacidade pedagógica, a empatia do formador e os conhecimentos práticos” transmitidos, bem como uma “grande integração entre a teoria e a prática”, com “exposição de ideias aplicáveis ao melhoramento da empresa”, a somar à “adequação da formação à nossa realidade”. 

 

Artigos relacionados

 

Capacite a sua equipa em vez de a gerir

É do tipo de líder que dá ordens aos colaboradores? Tem de parar de o fazer e apostar em capacitá-los. O objetivo é que todos se tornem no seu próprio líder, com a cultura da empresa a evoluir para a responsabilização partilhada. Está pronto para abrir mão do controlo absoluto? 

 

Demasiado enfoque nas metas pode levar à estagnação

Quanto mais tempo passamos a definir e a tentar alcançar metas específicas menos provável é conseguirmos atingir algo de grandioso, de acordo com um estudo americano. 

 

A cultura da sua empresa está bem ou não se recomenda?

Quando a cultura da organização não evolui, os melhores funcionários tendem a sair/procurar alternativas, e o negócio começa a afundar. São cinco os grandes sinais de que a sua empresa pode estar a ficar sem fôlego.